As compras online são uma forma cómoda e, por vezes, mais barata de adquirir bens e serviços. Mas há que ter alguns cuidados...
O que podes fazer para te proteger?
  • Antes de fazeres uma compra online ou através de apps, informa-te. +
     Procura informações sobre o vendedor. Pesquisa na internet pelo nome da empresa; Desconfia se não encontrares uma morada ou um contacto de telefone para o qual possas ligar e os termos e condições da venda; Lê sobre as experiências que outros clientes tiveram com determinado produto ou loja online, por exemplo em fóruns de discussão. Verifica a segurança do site ou da app. Verifica se o endereço a que pretendes aceder se inicia com https:// e se aparece um cadeado no final do endereço ou na barra inferior da janela. Isto significa que a ligação é segura; Instala apenas aplicações com caráter fidedigno, obtidas em lojas de aplicações oficiais. Adota os procedimentos de segurança habituais para proteger o teu computador, tablet ou telemóvel. Mantém atualizados os programas de antivírus e anti-spyware e a firewall ativa; Não utilizes redes wi-fi públicas ou desconhecidas; Não utilizes equipamentos públicos para realizar pagamentos. Lê os termos e condições. Verifica os métodos de pagamento; Informa-te sobre eventuais custos adicionais – custos de envio ou direitos alfandegários, se a loja estiver sediada fora da União Europeia (UE); Verifica as condições e os custos em caso de devolução e de troca. Por norma, na UE tens 14 dias para devolver qualquer produto comprado na internet.
  • Quando fazes a compra, opta por uma forma de pagamento segura. +
     Certifica-te de que apenas disponibilizas os dados necessários para concluir a compra. Opta, preferencialmente, por uma das seguintes formas de pagamento: Referência multibanco. Neste caso, a loja envia-te uma mensagem ou e-mail com os dados para efetuares o pagamento, dentro de determinado prazo, num caixa automático ou através do homebanking. Cartões virtuais. A aplicação MB WAY, por exemplo, permite-te gerar cartões virtuais MB NET. Assim, quando efetuas o pagamento inseres os dados do cartão virtual e não os dados do cartão real; Instrumentos de pagamento com segurança acrescida, como cartões com um limite de crédito baixo, com prazo de validade reduzido ou com procedimentos de autenticação adicionais. Com o 3-D Secure, por exemplo, podes fazer compras online seguras com os dados reais do teu cartão, porque beneficias de métodos acrescidos de segurança no ato de pagamento. O site onde efetuas a compra tem de ter este sistema, apresentando as denominações Verified by Visa, SecureCode ou SafeKey. Quando estiveres a fazer o pagamento num vendedor 3-D Secure, além dos dados do teu cartão, deves introduzir as credenciais de autenticação, que pode ser, por exemplo, um código enviado por SMS para o teu telemóvel.
  • Depois de fazeres a compra, guarda os registos. +
     Guarda os registos da compra efetuada, incluindo a informação sobre o vendedor; Consulta periodicamente a tua conta bancária e verifica se os movimentos realizados correspondem às compras que efetuaste.
 As compras online são uma forma cómoda e, por vezes, mais barata de adquirir bens e serviços. Mas há que ter alguns cuidados...
O que podes fazer para te proteger?
  • Antes de fazeres uma compra online ou através de apps, + informa-te.
     Procura informações sobre o vendedor. Pesquisa na internet pelo nome da empresa; Desconfia se não encontrares uma morada ou um contacto de telefone para o qual possas ligar e os termos e condições da venda; Lê sobre as experiências que outros clientes tiveram com determinado produto ou loja online, por exemplo em fóruns de discussão. Verifica a segurança do site ou da app. Verifica se o endereço a que pretendes aceder se inicia com https:// e se aparece um cadeado no final do endereço ou na barra inferior da janela. Isto significa que a ligação é segura; Instala apenas aplicações com caráter fidedigno, obtidas em lojas de aplicações oficiais. Adota os procedimentos de segurança habituais para proteger o teu computador, tablet ou telemóvel. Mantém atualizados os programas de antivírus e anti-spyware e a firewall ativa; Não utilizes redes wi-fi públicas ou desconhecidas; Não utilizes equipamentos públicos para realizar pagamentos. Lê os termos e condições. Verifica os métodos de pagamento; Informa-te sobre eventuais custos adicionais – custos de envio ou direitos alfandegários, se a loja estiver sediada fora da União Europeia (UE); Verifica as condições e os custos em caso de devolução e de troca. Por norma, na UE tens 14 dias para devolver qualquer produto comprado na internet.
  • Quando fazes a compra, opta por uma forma +
de pagamento segura.
     Certifica-te de que apenas disponibilizas os dados necessários para concluir a compra. Opta, preferencialmente, por uma das seguintes formas de pagamento: Referência multibanco. Neste caso, a loja envia-te uma mensagem ou e-mail com os dados para efetuares o pagamento, dentro de determinado prazo, numa caixa automática ou através do homebanking. Cartões virtuais. A aplicação MB WAY, por exemplo, permite-te gerar cartões virtuais MB NET. Assim, quando efetuas o pagamento inseres os dados do cartão virtual e não os dados do cartão real; Instrumentos de pagamento com segurança acrescida, como cartões com um limite de crédito baixo, com prazo de validade reduzido ou com procedimentos de autenticação adicionais. Com o 3-D Secure, por exemplo, podes fazer compras online seguras com os dados reais do teu cartão, porque beneficias de métodos acrescidos de segurança no ato de pagamento. O site onde efetuas a compra tem de ter este sistema, apresentando as denominações Verified by Visa, SecureCode ou SafeKey. Quando estiveres a fazer o pagamento num vendedor 3-D Secure, além dos dados do teu cartão, deves introduzir as credenciais de autenticação, que pode ser, por exemplo, um código enviado por SMS para o teu telemóvel.
  • Depois de fazeres a compra, guarda os registos. +
     Guarda os registos da compra efetuada, incluindo a informação sobre o vendedor; Consulta periodicamente a tua conta bancária e verifica se os movimentos realizados correspondem às compras que efetuaste.
 As compras online são uma forma cómoda e, por vezes, mais barata de adquirir bens e serviços. Mas há que ter alguns cuidados...
O que podes fazer para te proteger?
  • Antes de fazeres uma + compra online ou através 
de apps, informa-te.
     Procura informações sobre o vendedor. Pesquisa na internet pelo nome da empresa; Desconfia se não encontrares uma morada ou um contacto de telefone para o qual possas ligar e os termos e condições da venda; Lê sobre as experiências que outros clientes tiveram com determinado produto ou loja online, por exemplo em fóruns de discussão. Verifica a segurança do site ou da app. Verifica se o endereço a que pretendes aceder se inicia com https:// e se aparece um cadeado no final do endereço ou na barra inferior da janela. Isto significa que a ligação é segura; Instala apenas aplicações com caráter fidedigno, obtidas em lojas de aplicações oficiais. Adota os procedimentos de segurança habituais para proteger o teu computador, tablet ou telemóvel. Mantém atualizados os programas de antivírus e anti-spyware e a firewall ativa; Não utilizes redes wi-fi públicas ou desconhecidas; Não utilizes equipamentos públicos para realizar pagamentos. Lê os termos e condições. Verifica os métodos de pagamento; Informa-te sobre eventuais custos adicionais – custos de envio ou direitos alfandegários, se a loja estiver sediada fora da União Europeia (UE); Verifica as condições e os custos em caso de devolução e de troca. Por norma, na UE tens 14 dias para devolver qualquer produto comprado na internet.
  • Quando fazes a compra, + opta por uma forma
de pagamento segura.
     Certifica-te de que apenas disponibilizas os dados necessários para concluir a compra. Opta, preferencialmente, por uma das seguintes formas de pagamento: Referência multibanco. Neste caso, a loja envia-te uma mensagem ou e-mail com os dados para efetuares o pagamento, dentro de determinado prazo, numa caixa automática ou através do homebanking. Cartões virtuais. A aplicação MB WAY, por exemplo, permite-te gerar cartões virtuais MB NET. Assim, quando efetuas o pagamento inseres os dados do cartão virtual e não os dados do cartão real; Instrumentos de pagamento com segurança acrescida, como cartões com um limite de crédito baixo, com prazo de validade reduzido ou com procedimentos de autenticação adicionais. EXEMPLO | O 3-D Secure
Com o 3-D Secure podes fazer compras online seguras com os dados reais do teu cartão, porque beneficias de métodos acrescidos de segurança no ato de pagamento. O site onde efetuas a compra tem de ter este sistema, apresentando as denominações Verified by Visa, SecureCode ou SafeKey. Quando estiveres a fazer o pagamento num vendedor 3-D Secure, além dos dados do teu cartão, deves introduzir as credenciais de autenticação, que pode ser, por exemplo, um código enviado por SMS para o teu telemóvel.
  • Depois de fazeres +
a compra, guarda 
os registos.
     Guarda os registos da compra efetuada, incluindo a informação sobre o vendedor; Consulta periodicamente a tua conta bancária e verifica se os movimentos realizados correspondem às compras que efetuaste.