Está aqui

Organizações internacionais vs. analistas privados: uma avaliação do desempenho das previsões de

Autores 
Ildeberta Abreu
Ano de Divulgação 
2011
Resumo 
Este artigo avalia o desempenho das previsões de crescimento económico divulgadas por três organizações internacionais - FMI, Comissão Europeia e OCDE - e compara-o com a da previsão média de dois inquéritos de analistas privados - Consensus Economics e The Economist. O objetivo é auxiliar os utilizadores das previsões a responder à questão de quanta confiança atribuir às diferentes previsões que estão disponíveis em cada momento do tempo. A avaliação abrange projeções para nove economias avançadas no período 1991-2009. São utilizados diversos critérios de avaliação: a precisão das previsões quer em termos quantitativos quer em termos de direção e, ainda, a capacidade de prever recessões económicas. Os resultados sugerem que o desempenho das previsões das organizações internacionais é bastante semelhante ao dos analistas do setor privado. Em geral, as previsões para o ano corrente apresentam características desejáveis e são claramente superiores às previsões para o ano seguinte, para as quais a evidência é menos clara.
Link para documento 
Publicado como 
Tags