Está aqui

Afetação de recursos em Portugal: comparação entre setores

Autores 
Christine Richmond
Daniel Dias
Ano de Divulgação 
2016
Resumo 
A literatura empírica recente mostrou que a afetação de recursos no sector dos serviços é muito menos eficiente do que na indústria. Este artigo procura saber se esta diferença se deve a simples razões metodológicas ou se, pelo contrário, reflete diferenças estruturais entre os dois sectores da economia. Os resultados sugerem que cerca de metade da diferença original pode ser atribuída a razões metodológicas enquanto que a outra metade pode ser atribuída a diferenças nas características dos dois setores. Da análise efetuada, conclui-se que a diferença residual no grau de eficiência na afetação de recursos entre os dois setores pode ser atribuída a factores como uma maior rigidez de preços na produção, uma maior dificuldade de ajustamento do factor trabalho, bem como uma mais alta taxa de informalidade no sector dos serviços.
Link para documento 
Publicado como 
Tags