Está aqui

Transferências


As transferências a crédito são operações de pagamento iniciadas pelo cliente ordenante (particular, empresa ou administração pública) para movimentar fundos da sua conta para a conta do beneficiário por ele indicado. 

O cliente ordena ao seu prestador de serviços de pagamento (geralmente um banco) que retire fundos da sua conta e os envie para outra conta (do beneficiário). 

 

Evolução das operações com transferências a crédito

Superintendência

 

O Banco de Portugal, em conjunto com o Banco Central e outros bancos centrais nacionais, realiza a superintendência das regras de funcionamento das transferências a crédito com base num conjunto de padrões gerais definidos no “Quadro Harmonizado de Superintendência para os Instrumentos de Pagamento” e no “Quadro de Superintendência para os Sistemas de Transferências a Crédito” (e o respetivo Guia de avaliação dos sistemas de transferências a crédito face aos critérios de superintendência), estabelecidos pelo Eurosistema.

Informação para profissionais

 

Manual de Comunicação Cliente-Banco

A comunidade bancária portuguesa desenvolveu um formato harmonizado de comunicação, aplicável às Transferências a Crédito SEPA e aos Débitos Diretos SEPA, com o objetivo de facilitar a ligação entre clientes e prestadores de serviços de pagamento. Este formato harmonizado de comunicação encontra-se descrito no Manual de Comunicação Cliente-Banco XML (C2B).