Está aqui

Economia numa imagem

Economia numa imagem

A recente atualização do Programa de Estabilidade prevê que o saldo orçamental em 2025 se situe aquém do nível pré-crise

30.07.2021

Economia numa imagem: A recente atualização do Programa de Estabilidade prevê que o saldo orçamental em 2025 se situe aquém do nível pré-crise

 

 

O saldo orçamental perspetivado para 2025 é de -1,1% do PIB, menos 1,2 pp que o ligeiro excedente registado em 2019. Esta deterioração ocorre apesar da redução projetada para a despesa com juros (1,1 pp) e para o efeito desfavorável sobre o saldo de medidas temporárias (0,6 pp). Segundo as estimativas divulgadas, o impacto do ciclo económico contribui em 1,6 pp para a redução do saldo no conjunto dos anos de 2020 a 2025, neutralizando o efeito dos juros e medidas temporárias acima referido. Assim, a projeção apresentada é compatível com uma diminuição do saldo primário estrutural em 1,4 pp, o que indica que a política orçamental assume, no período como um todo, uma orientação expansionista.

Um adequado equilíbrio entre os riscos de uma retirada prematura das medidas de resposta à crise pandémica e a sustentabilidade das finanças públicas será decisivo nos próximos anos, em particular dado o elevado rácio da dívida pública.

 

Para mais detalhes consultar a caixa 3 “Perspetivas orçamentais de médio prazo” da parte I do Boletim Económico de junho 2021 do Banco de Portugal.

 

Preparado por Lara Wemans. As análises, opiniões e resultados expressos neste espaço são da exclusiva responsabilidade do autor e não coincidem necessariamente com os do Banco de Portugal ou do Eurosistema.

 

Se desejar receber um e-mail quando for publicado um novo “Economia numa imagem” envie o seu pedido para info@bportugal.pt