Está aqui

Campanha #ficaadica: Compre online em segurança

Campanha #ficaadica: Compre online em segurança

As compras online são uma forma cómoda e, por vezes, mais barata de adquirir bens e serviços. Mas há que ter alguns cuidados.

Procure informações sobre o vendedor e, caso avance com a compra, utilize sempre meios de pagamento com segurança acrescida.

Antes de fazer uma compra online ou através de app

#1 Procure informações sobre o vendedor. 

  • Verifique se o vendedor é credível: pesquise na internet o nome da empresa ou procure referências junto de amigos ou conhecidos.
  • Desconfie se não encontrar uma morada ou contactos telefónicos e os termos e condições da venda.
  • Pesquise e leia sobre as experiências que outros clientes tiveram com determinado produto ou loja online, por exemplo, em fóruns de discussão.

Seja cauteloso perante ofertas irrecusáveis ou pechinchas, pois, frequentemente, correspondem a situações de fraude.

 

#2 Verifique a segurança do site ou da app.

  • Confirme que o endereço a que pretende aceder se inicia com “https://” e que aparece um cadeado no final do endereço ou na barra inferior da janela. Se tal não acontecer, a página não é segura.
  • Instale apenas aplicações obtidas em lojas de aplicações oficiais.
  • Adote os procedimentos de segurança habituais para proteger o seu computador, tablet ou telemóvel:
    • Mantenha atualizados os programas de antivírus e anti-spyware e a firewall ativa;
    • Não clique em links nem faça downloads de fontes desconhecidas;
    • Não utilize redes wi-fi públicas ou desconhecidas;
    • Não utilize equipamentos públicos para realizar pagamentos online.

Não introduza os seus dados (nome, número de telemóvel, e-mail, cartão de cidadão, números de conta bancária ou números de cartões de crédito) em sites que não conheça ou de cuja autenticidade desconfie.

 

#3 Leia os termos e condições.

  • Verifique os métodos de pagamento disponibilizados.
  • Informe-se sobre eventuais custos adicionais — por exemplo, custos de envio ou direitos alfandegários, se a loja estiver sediada fora da União Europeia.
  • Verifique as condições e os custos em caso de devolução e de troca. Na União Europeia, tem 14 dias para devolver qualquer produto comprado na internet.
Quando faz a compra

#4 Certifique-se de que apenas disponibiliza os dados necessários para concluir a compra.

  • Desconfie de solicitações de dados (por exemplo, palavras-passe, dados de documentos de identificação pessoal ou dados do cartão de pagamento) que lhe pareçam excessivas ou estranhas, ainda que provenientes de uma entidade aparentemente confiável. Em caso de dúvida, peça esclarecimentos ao seu banco ou outro prestador de serviços de pagamento, através dos contactos oficiais.

#5 Opte por uma forma de pagamento com segurança acrescida. 

  • Referência multibanco. O comerciante, caso disponibilize esta forma de pagamento, envia uma SMS ou um e-mail com os dados para que efetue o pagamento, dentro de determinado prazo, num caixa automático ou através do homebanking.
  • Cartões com um saldo/plafond limitado e com prazo de validade reduzido, como são os cartões pré-pagos. Limitam a possibilidade de reutilização indevida do cartão e o valor das perdas possíveis.
  • Cartões virtuais de utilização única ou com montante e prazo de validade limitados. Um cartão virtual é um cartão gerado e utilizado em contexto eletrónico. No momento da compra, os dados do cartão real não são divulgados, tornando a operação mais segura. Esta funcionalidade pode ser disponibilizada pelo seu banco ou outro prestador de serviços de pagamento e por determinadas apps de pagamento. 
  • Instrumentos de pagamento com segurança acrescida. Prefira utilizar cartões com procedimentos de segurança acrescida como é o caso da versão mais recente do serviço 3D Secure. Em regra, este serviço estará já ativo nos cartões de crédito ou de débito que permitem efetuar compras online. Caso não esteja, solicite a adesão/ativação junto do seu banco ou outro prestador de serviços de pagamento. Neste caso, quando efetuar uma compra, ser-lhe-á, por norma, pedido que realize autenticação forte do cliente, isto é, que introduza dois elementos de autenticação válidos, em complemento aos dados do cartão 3D Secure. Em Portugal, a solução mais comum para autenticação forte de operações online com cartão é a validação da operação na app do seu banco ou outro prestador de serviços de pagamento.


Depois de fazer a compra

#6 Guarde os registos. 

  • Guarde os registos da compra efetuada, incluindo a informação sobre o comerciante e o respetivo endereço eletrónico. Sempre que possível, faça o print screen dos dados da operação.

#7 Verifique regularmente a sua conta.

  • Consulte periodicamente os movimentos das contas e verifique se os movimentos realizados correspondem às compras que efetuou.

#8 Comunique as suspeitas de fraude.

  • Caso suspeite de utilização abusiva ou não autorizada do seu cartão de pagamento ou se desconfiar que os seus elementos de identificação ou validação (como credenciais de acesso ao homebanking) foram utilizados indevidamente, comunique imediatamente essa situação ao seu banco ou outro prestador de serviços de pagamento, através dos contactos disponibilizados por este ou através dos contactos divulgados no site do Banco de Portugal e no Portal do Cliente Bancário.
  • Comunique a situação ao órgão de polícia mais próximo (PSP, GNR ou PJ) ou ao Ministério Público.
  • Se necessário, peça ao seu banco ou outro prestador de serviços de pagamento que cancele o cartão ou as credenciais de acesso ao homebanking.