Está aqui

Instrução (Histórico) n.º 24/2002

Português, Portugal
Resumo 

Determina que as sucursais, em Portugal, das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras com sede em outro Estado-membro da UE, procedam à elaboração de um relatório sobre o sistema de prevenção de branqueamento de capitais. Revogada pelo Aviso n.º 9/2012, de 17-05, publicado no DR, 2.ª Série, Parte E, n.º 104, de 29-05-2012.

Estado 
Revogado
Data de Revogação 
30-05-2012
Boletim Oficial 
9/2002
Lei Habilitante 
DL n.º 298/92, de 31-12, RGICSF, art.º 123.º
Comentário 
Esta Instrução só se aplica às sucursais das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras com sede noutro Estado-Membro. Com a Instrução n.º 10/2006, publicada no BO n.º 10, de 16-10-2006, deixaram de estar abrangidas as sucursais das empresas de investimento.
Descritores 
Branqueamento de Capitais,
Prestação de Informação,
Sucursal Bancária,
Supervisão
Data de Publicação 
16-09-2002
Data de Divulgação 
16-09-2002
Data de Entrada em Vigor 
16-09-2002
Tipo de destinatário 
Instituições de Crédito,
Sociedades Financeiras
Destinatários 
Agências de Câmbios,
Bancos,
Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo,
Caixa Económica Montepio Geral,
Caixa Geral de Depósitos,
Caixas Económicas,
Caixas de Crédito Agrícola Mútuo,
Instituições Financeiras de Crédito,
Instituições de Moeda Eletrónica,
Sociedades Administradoras de Compras em Grupo,
Sociedades Emitentes ou Gestoras de Cartões de Crédito,
Sociedades Financeiras para Aquisições a Crédito,
Sociedades Gestoras de Fundos de Investimento,
Sociedades Gestoras de Fundos de Titularização de Créditos,
Sociedades de Desenvolvimento Regional,
Sociedades de Factoring,
Sociedades de Garantia Mútua,
Sociedades de Locação Financeira
Tema :: Subtema 
Supervisão :: Branqueamento de Capitais
Instruções Alteradoras/Revogadoras 
Avisos Associados 
Documentos
Descarregar