Está aqui

Supervisores financeiros e IEFP assinalam início do primeiro curso de formação de formadores

O Banco de Portugal, a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF) e o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) assinalaram, no dia 11 de setembro, o início do primeiro curso de formação de formadores do IEFP. Esta iniciativa decorre do acordo de cooperação estabelecido entre o Conselho Nacional de Supervisores Financeiros (CNSF) e o IEFP para a promoção da formação financeira na formação profissional, no âmbito do Plano Nacional de Formação Financeira.

A cerimónia decorreu no auditório do IEFP, em Lisboa, e contou com a presença do Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva, do Secretário de Estado do Emprego, Miguel Cabrita, do Governador do Banco de Portugal e Presidente do CNSF, Carlos da Silva Costa, da Presidente da CMVM, Gabriela Figueiredo Dias, do Presidente da ASF, José Figueiredo Almaça, e do Presidente do IEFP, António Valadas da Silva.

Na sua intervenção, o Governador do Banco de Portugal e Presidente do CNSF, Carlos da Silva Costa, sublinhou a importância da integração da formação financeira nos cursos de formação profissional, explicando que, só através de parcerias com entidades que estão no terreno, como é o caso do IEFP, é possível chegar às populações, garantindo a capilaridade territorial da formação financeira. O Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva, saudou a iniciativa, salientando a sua importância estratégica, potenciadora do desenvolvimento económico do país.

A formação será ministrada por formadores do Banco de Portugal, da ASF e da CMVM, tendo por base os temas, subtemas e objetivos definidos nas unidades de formação de curta duração do Referencial de Educação Financeira que foram integrados no Catálogo Nacional de Qualificações em 2017.

Esta primeira ação de formação dirige-se a formadores do IEFP da região de Lisboa e decorre nos dias 11, 12, 20 e 21 de setembro. Está prevista a realização de ações similares nas cidades do Porto, Coimbra e Beja, por forma a garantir uma adequada distribuição regional destas ações do Plano Nacional de Formação Financeira.

No conjunto destas quatro ações participarão formadores dos 30 centros de emprego do IEFP e da respetiva rede de serviços de formação em todo o território nacional, num total estimado de 1000 a 1500 formandos.

Sobre o acordo de cooperação entre o CNSF e o IEFP

O acordo de cooperação celebrado entre o CNSF e o IEFP, no passado dia 2 de julho, visa promover a integração de conteúdos de formação financeira nos percursos formativos dos cursos de formação profissional ministrados pelos centros de emprego de todo o país.

Este acordo veio reforçar a cobertura do PNFF relativamente a populações mais vulneráveis, em particular dos desempregados, proporcionando a aquisição de competências para a sua integração no mercado de trabalho.