Está aqui

Reunião em Lisboa do grupo de países parceiros de Portugal no FMI e no Banco Mundial

constituencymeeting 2018

Portugal acolheu hoje a reunião dos membros do seu grupo de países (constituency) no Fundo Monetário Internacional e no Banco Mundial.

A reunião teve lugar na sede do Banco de Portugal, em Lisboa, e juntou os Governadores e Governadores Suplentes dos países deste grupo nas duas instituições. Portugal esteve representado pelo Ministro das Finanças, Mário Centeno, e pelo Governador do Banco de Portugal, Carlos da Silva Costa.

Os debates de hoje incluíram os principais temas da agenda de política e institucional do FMI e do Banco Mundial, bem como as alterações climáticas, os seus impactos macroeconómicos e o papel das políticas neste âmbito, um tema global em que a cooperação internacional é da maior relevância.

Os Estados membros do FMI e do Banco Mundial estão organizados em grupos de países, ou constituencies, de acordo com critérios de proximidade geográfica, interesses ou línguas comuns. Cada constituency elege um Diretor Executivo para representar os seus membros no Diretório Executivo do FMI e do Banco Mundial. A constituency italiana no FMI inclui também a Albânia, Grécia, Malta, Portugal e San Marino, e é representada pelo Diretor Executivo italiano, Alessandro Leipold.

A constituency italiana no Banco Mundial inclui o mesmo grupo de países mais Timor Leste, e é representada pelo Diretor Executivo italiano, Patrizio Pagano.

A reunião de hoje desta constituency foi a segunda a decorrer fora do contexto das reuniões de Washington do FMI/Banco Mundial, no seguimento da reunião do ano passado, em Roma.