Está aqui

Museu do Dinheiro inaugura nova exposição temporária: Moeda, Fé e Política: moedas e medalhas do Vaticano

O Museu do Dinheiro abre ao público no dia 12 de novembro uma nova exposição temporária, construída em torno de valiosas peças da Biblioteca Apostólica Vaticana, do Banco de Portugal e de diversos acervos portugueses.

Moeda, Fé e Política: moedas e medalhas do Vaticano, que estará patente no Museu do Dinheiro até maio de 2021, apresenta ao público um percurso singular em torno da moeda na sua relação histórica com a religião e o poder.

A possibilidade de trazer ao público moedas e medalhas da riquíssima coleção da Biblioteca Apostólica Vaticana criou uma oportunidade especial para refletir sobre a interação entre estas três dimensões, com Portugal e a Santa Sé no centro das atenções.

Uma exposição que, a propósito de várias moedas e medalhas associadas à história de Portugal e às relações do nosso país com a Santa Sé que o Vaticano detém na sua Biblioteca, recupera objetos de variadas coleções portuguesas das mesmas épocas e as põe em diálogo com estas peças numismáticas. 

Deste diálogo entre as peças expostas nascem quatro grandes temas que dão corpo a um trajeto historicamente descontínuo, mas estimulante: a moeda no universo dos Evangelhos, as emissões monetárias da Santa Sé, as relações político-diplomáticas entre Portugal e a Santa Sé e, finalmente, o papel das moedas e medalhas na urbanização promovida por papas e reis.

 

Saiba como visitar em www.museudodinheiro.pt.