Está aqui

Moeda corrente comemorativa. “600 Anos do Descobrimento da Madeira e do Porto Santo” entra em circulação a 6 de junho

O Banco de Portugal colocará em circulação, no dia 6 de junho de 2019, uma moeda corrente comemorativa, com o valor facial de 2€, designada “600 Anos do Descobrimento da Madeira e do Porto Santo”.

A distribuição ao público será efetuada por intermédio das instituições de crédito e das tesourarias do Banco de Portugal.

Moeda corrente comemorativa. “600 Anos do Descobrimento da Madeira e do Porto Santo” entra em circulação a 6 de junho

A moeda “600 Anos do Descobrimento da Madeira e do Porto Santo” apresenta:

Na face comum: 

  • O desenho europeu utilizado nas moedas de euro destinadas à circulação.

Na face nacional, e envolvida pelas 12 estrelas da União Europeia, a representação da silhueta das ilhas, a qual está circundada pelas legendas: 

  • “600 anos do Descobrimento da Madeira e do Porto Santo”;
  • “Portugal 2019”;
  • “INCM”;
  • a indicação do autor.

 

As caraterísticas desta moeda foram aprovadas pela Portaria n.º 16/2019, publicada no Diário da República, 1.ª série – N.º 10, de 15 de janeiro, e na Declaração de Retificação n.º 5/2019, publicada no Diário da República, 1.ª série – N.º 31, de 13 de fevereiro. Foi definido o limite de emissão de 500 000 moedas com acabamento normal.


Nota:

O Banco de Portugal vende ao público, exclusivamente nos seus balcões de tesouraria, moeda corrente comemorativa (apenas com acabamento normal). 

O interessado deve preencher um impresso próprio, onde se identifica e discrimina, por designação e valor facial, a quantidade de moeda corrente comemorativa que pretende adquirir. 

O Banco de Portugal não efetua reservas de moeda nem as remete pelo correio.